Campo Mourão,
 
 
19/11/2019
MAUÁ DA SERRA
Mauá da Serra: "vulcão" em homenagem aos japoneses



Mauá da Serra é um município instalado em janeiro de 1993. Até então era distrito de Marilândia do Sul. A cidade está localizada a 186 quilômetros de Campo Mourão. Pertence a micro região de Apucarana.




As maiores áreas de plantio são com soja (4.340 ha) e trigo (3.000). Destaque para a produção de frangos. Embora o portal da cidade tenha em destaque uma espiga de milho, em 2018 essa lavoura ocupou só 80 hectares.




Mauá da Serra tem 10.601 habitantes. São 2.800 imóveis residenciais na área urbana. A maior parte dos empregos é gerado pela indústria (27 empresas). Depois o comércio e prestação de serviços (192 empresas). A cidade teve inicio nos anos 50 com o auge do café e foi projetada pela colonizadora com a avenidas amplas.




Em uma das entradas da cidade o monumento em homenagem ao padroeiro São Pedro. Entre os 399 municípios do Paraná, Mauá da Serra figura na posição 210 em número de habitantes. Em renda per capita é o 176º




Preste atenção na imagem acima. É o Parque Lagoa Bonita. Perceba que no meio tem a réplica de um vulcão. É uma homenagem aos imigrantes japoneses. Em maio durante as comemorações do aniversário acontece a tradição festa do milho. No município está a famosa "Serra do Cadeado".




Mauá da Serra é cortada pela importante BR-376 (rodovia do café), que liga Londrina e Maringá ao litoral do Estado. Às margens da estrada ótimos restaurantes. Em um deles, além do restaurante a família Gerber de origem holandesa contruiu um hotel e uma igreja (foto acima).




A Paróquia São Pedro pertence a Diocese de Apucarana. O primeiro nome de Mauá da Serra foi Lagoa Bonita. Depois passou para Governador Bento Munhoz da Rocha.




voltar